O Diabo anda solto e eu o vi.
Pe Scaravelli, .c.s
Ele faz estragos onde passa. A palavra “diabo” deriva do grego “diá- bulus” e significa: aquele que divide. Lembro como fosse hoje. Trabalhava com comunidades formadas por 80/100 famílias, a maioria, imigrantes bolivianos cujo trabalho, depois de atear fogo nos canaviais da Província de Jujuy, norte da Argentina, era colher cana de açúcar com o facão. Ao fim de um dia laboral todos estavam pretos, cor da cinza da cana queimada. As famílias eram muito pobres, as casas eram feitas de barro e capim, a água era tirada do poço comunitário. Uma casa vazia servia de capela. Tudo pertencia aos donos dos Engenhos de Cana: as terras, as casas, até o sino da capela, menos o padre. Um dia na capa do “Diário El Pregón” da Capital saiu minha foto com o título: Padre Comunista predica a favor de la Reforma Agrária”. As 14 comunidades distribuídas entre os canaviais distanciava-se de 3/4 quilômetros umas das outras. As comunidades eram pobres e lindas, lindas e unidas, unidas e solidárias. Eram tão pobres que ninguém as visitava durante anos, somente o padre. Missa, catequese, formação, grupo de jovens, bibliotecas populares, curso de datilografia, festas da padroeira, bailes, e outras atividades. Eu era um padre feliz. Foram os seis anos mais plenos da minha vida.
Mas o Diabo corria solto. Chegada a época das eleições, la vinha o diabo em forma de políticos com promessas bobas e enganosas e as famílias brigavam, competiam e se dividiam. E causava mal-estar e divisões na Comunidade. Quatro anos de trabalho árduo perdiam se quase que por arte de mágica. Depois das eleições havia-se de recomeçar tudo outra vez desde a fé.
Estamos em época de eleições, as mais controvertidas e perigosas da nossa história. Não sejas tu um diabo que separa os amigos, que divide as famílias e que causa mal-estar na nossa Comunidade. Pelo que há de mais sagrado, não poste nas redes sociais mensagens que ofendem àqueles que não pensam com tu pensas. Ódio, asco, violência, mal-estar e divisões são sentimentos diabólicos que se manifestam nas redes sociais inclusive através de líderes da nossa Comunidade.
Precisamos de mais inteligência emocional e da sabedoria de Deus para entender que nada vale mais do que o amor de Deus e a amizade da família e dos amigos.

Share
Write a comment:

*

Your email address will not be published.

© 2014 Apostolado Brasileiro | Unindo Católicos Brasileiros na Grande Boston.
Siga-nos:                   

Facebook