Ascenção:  Somos  testemunhas

Pe Scaravelli, c.s.

Celebramos a Festa da Ascenção de Jesus.  Ascenção: um caminho a seguir, um destino a ser alcançado e uma missão para cumprir. O caminho é Jesus, o destino é ascender junto ao Pai e a missão é anunciar a salvação de Jesus e ser suas testemunhas.

Em outras palavras a festa da Ascenção de Jesus primeiro nos sugere quem é Jesus. A Escritura diz que Ele subiu e está sentado à direita de Deus Pai. No contexto cultural de Israel, estar sentado à direita, significa compartir o mesmo poder. Jesus é Deus e não há poder maior no céu e sobre a terra do que o poder de Jesus.

Segundo, a Ascenção nos sugere qual é o nosso destino: Subir ao céu junto a Jesus. Sem desligar-nos dos problemas da vida, celebramos o nosso destino. Nosso destino é ascender junto ao Pai como Jesus. O objetivo é claro.

Mas para ascender junto ao Pai é preciso seguir o caminho de Jesus colaborando nesse projeto de Salvação que Ele veio iniciar. Por isso no dia da ascensão Jesus pediu duas coisas:  “ Em nome de Jesus serão anunciados a conversão e o perdão dos pecados começando por Jerusalém. E vós sereis minhas testemunhas”.  

O Papa Paulo VI disse que: “O mundo necessita de testemunhas mais do que pregadores”. E São Francisco dizia: “Evangelizai, evangelizai sempre, se for necessário até com palavras”.  É relativamente mais fácil ser pregadores, do que ser testemunhas. Há pessoas que são bons oradores, mas somente isso; em questão de minutos conseguem falar bonito a favor de Deus e a favor do Diabo ao mesmo tempo. Conseguem falar bem da Palavra de Deus e ao mesmo tempo manipular a consciência das pessoas para os próprios interesses. Mas, ser testemunhas é mais difícil e mais perigoso.

A vocação do homem é elevar-se, é um movimento para o alto, um impulso para o infinito, uma procura da vida plena que não tem fim. A vocação dos seguidores de Jesus é ser testemunhas, não podemos ficar de braços cruzados. Jesus quer que sejamos as suas testemunhas começando por Jerusalém, isto é, desde o lugar em que nos encontramos.

Vivemos numa sociedade idólatra, com muitas crenças, muitas religiões, mas com muitos ídolos também. Preocupa-nos ao ver tanta gente angustiada que perambulam pela vida sem caminho e sem destino, sem lenço e sem documento. Ficamos impressionados e angustiados ao ver tanta juventude metida nas drogas, no álcool, nas gangues, jogando a perder o melhor tempo de suas vidas e nos perguntamos por quê! O que é que está acontecendo com nossa sociedade e com a nossa juventude! Uma resposta entre outras é: A vida torna-se vazia quando a gente não sabe para que vivemos ou para onde vamos. Quando não sabemos o nosso destino e quando não gastamos a vida testemunhando o amor de Deus, a vida se torna um sem sentido.

Todo o dinheiro do mundo, todo poder e toda honra não podem preencher um coração vazio e sem valores humanos, vazio de Deus e vazio de amor. A falta de Deus e de um objetivo nos leva ao vazio; o vazio nos leva à angústia, a angustia às drogas e vícios, as drogas e os vícios a cometer qualquer barbaridade.

Ser testemunhas de Jesus é comprometer-se com a família, com a Comunidade em, com o BRACE, com as instituições que ajudam a prevenir e remediar. Precisamos nas nossas famílias ter princípios e atitudes. Participar da Igreja sem fanatismos e cumprir com os deveres da religião, construir um ambiente agradável aonde o lar seja um lugar prazenteiro de se ficar, saber impor aos filhos desde pequeninhos limites, deveres e obrigações e ao mesmo tempo, saber recompensar o bom comportamento. E sobretudo, dar tempo e amor. Deixar de lado a estúpida preocupação de dar todas as coisas materiais e aceder a todos os seus caprichos e preocupar-nos mais em dar do nosso tempo, da nossa presença, do nosso carinho e ensinar-lhes que existe um caminho a seguir, Jesus; um destino a alcançar: ascender junto ao Pai e uma missão a cumprir, ser testemunhas da presença do amor de Deus. Amém.

Write a comment:

*

Your email address will not be published.

© 2014 Apostolado Brasileiro | Unindo Católicos Brasileiros na Grande Boston.
Siga-nos:                   

Facebook